CONVIDADOS NACIONAIS

Janine Rodrigues_edited_edited.jpg

JANINE RODRIGUES

Educadora e fundadora da Piraporiando

Escritora e educadora, fundadora da Piraporiando - Educação para a diversidade, que cria experiências e conteúdos antirracistas, antibullying, antipreconceito e de promoção da equidade de gênero, considerada uma das 10 Edtechs mais importantes da América Latina. Formada em Gestão Socioambiental com especialização na mesma área pela UFRJ. Cursou "Racismo na Infância: uma forma de maus tratos", no Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdade. Eleita pelo BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento) uma das maiores lideranças em diversidade e educação da América Latina e Caribe. Atuou por 12 anos junto a comunidades tradicionais, principalmente população ribeirinha, quilombolas, indígenas e pequenos agricultores. A Piraporiando recebeu o Prêmio Criança 2018 da Fundação Abrinq e o Selo Retratos da Leitura do Instituto IPL, assim como o Prêmio Arte-Escola pela Secretaria de Cultura do Rio de Janeiro 2016. A Piraporiando foi chancelada em 2018 pela Fundação Cultural Palmares, além de ser signatária do Pacto Global da ONU.

juliedorrico_edited_edited.jpg

JULIE DORRICO

Pesquisadora e curadora de literatura indígena

Escritora, pesquisadora e curadora de literatura indígena, descendente do povo Macuxi. Nascida nas terras da cachoeira pequena, conhecidas como Guajará-Mirim, em Rondônia, com passagem por Porto Alegre (RS) e vivendo atualmente em Porto Velho (RO), ela se doutorou em Teoria da Literatura pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC/RS). É uma das administradoras do perfil @leiamulheresindigenas do Instagram, além de coordenar o Grupo de Estudo em Memória e Teoria Indígena (GEMTI). É autora do livro Eu sou macuxi e outras histórias, publicado pela Editora Caos e Letras, que ficou 1º lugar no concurso FNLIJ/Tamoios de novos escritores indígenas. Foi curadora do projeto I Mostra de Literatura Indígena: Território de palavras ancestrais, realizado em parceria com o Museu do Índio/UFU, em 2021.

Eloar Guazzelli _edited_edited.jpg

ELOAR GUAZZELLI

Ilustrador, animador e quadrinista

Nasceu em Vacaria (RS), em 1962, e trabalha como ilustrador desde a década de 1980. Formado em Artes Plásticas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, é também quadrinista, diretor de arte e mestre pela Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo. Foi premiado nos Festivais de Cinema de Havana, Gramado, Rio de Janeiro, Bahia, Maranhão e Brasília. Obteve premiações nos Salões de Humor de Porto Alegre, Piracicaba, Tóquio, Teresina, Santos e nas Bienais de Quadrinhos do Rio de Janeiro e Belo Horizonte, além de ter recebido o Excellent Prize no 23th Yomiuri International Cartoon Contest, de Tóquio, e ter sido o grande vencedor do III Concurso Folha de Ilustração e Humor. Participou de mostras na Argentina, Alemanha, Bélgica, Brasil, Cuba, Espanha, Estados Unidos, França, Holanda, Itália, Japão, Portugal, Porto Rico, Turquia e Uruguai. Apresenta um diferencial na sua produção infantil e juvenil, bem como em suas histórias em quadrinhos, como mostra a coleção de obras literárias clássicas adaptadas em quadrinhos como O pagador de promessas, Grande Sertão Veredas e A escrava Isaura.

João Luís Ceccantini_edited.jpg

JOÃO LUÍS CECCANTINI

Professor e crítico (UNESP-Assis)

Professor da Faculdade de Ciências e Letras de UNESP-Assis, é formado em Letras, com mestrado e doutorado em Letras, pela mesma universidade. Atua junto à disciplina de "Literatura Brasileira", desenvolvendo pesquisa principalmente nos seguintes temas: literatura infantil e juvenil, leitura, formação de leitores, literatura e ensino, Monteiro Lobato e literatura brasileira contemporânea de um modo geral. É coordenador do grupo de pesquisa Leitura e Literatura na Escola (CNPq/UNESP), que congrega professores de diversas universidades do país, além de ter coordenado o grupo de trabalho da ANPOLL "Leitura e Literatura Infantil e Juvenil". É votante da FNLIJ e realiza diversos projetos de pesquisa aplicada, voltados à formação de leitores e ao aperfeiçoamento de professores no contexto do ensino fundamental.

Marie Ange Bordas _edited_edited.jpg

MARIE ANGE BORDAS

Autora e ilustradora de livros ilustrados

Nascida em Porto Alegre, em 1970, é artista multimídia, escritora e mediadora cultural. Formada em jornalismo em Porto Alegre, tem mestrado em Imagem e Som pela Universidade de São Paulo, além de ter cursado fotografia em Nova York e trabalhado como jornalista, fotógrafa e educadora pelo mundo afora. Entre 2000 e 2009, desenvolveu o projeto “Deslocamentos”, convivendo e criando exposições com pessoas em situação de refúgio em países como África do Sul, Quênia, Sri Lanka, França e Inglaterra, e suas exposições de arte viajaram pelos cinco continentes. Desde 2008, dedica-se à coordenação do projeto “Tecendo Saberes”, de criação colaborativa de livros infantis em comunidades tradicionais brasileiras e africanas, tendo publicado os livros Histórias da Cazumbinha - realizado com a comunidade quilombola do Rio das Rãs na Bahia - e Manual da criança caiçara - realizado com a comunidade caiçara de Iguape, em São Paulo.

volnei_edited_edited.jpg

VOLNEI CANÔNICA

Mediador e presidente do Instituto de Leitura Quindim

Gaúcho de Caxias do Sul, é formado em Comunicação Social – Relações Públicas pela Universidade de Caxias do Sul, com especialização em Literatura Infantil e Juvenil também pela Universidade de Caxias do Sul, e especialização em Literatura, Arte do Pensamento Contemporâneo pela PUC-RJ. Sua trajetória é marcada pela luta por políticas públicas que garantam o direito à literatura para todos. É Presidente do Instituto de Leitura Quindim e ex-diretor de Livro, Leitura, Literatura e Bibliotecas, do Ministério da Cultura. Coordenou no Instituto C&A de Desenvolvimento Social o programa Prazer em Ler. Foi assessor na FNLIJ e, na Secretaria Municipal de Cultura de Caxias do Sul, assessorou a criação do Programa Permanente de Estímulo à Leitura. Também foi jurado de vários prêmios literários. Além disso, é autor do livro Tanta chuva no céu, publicado pela Editora do Brasil, com ilustrações de Roger Ycaza.